Terra de Areia desenvolve ação para controle do borrachudo

event 31/07/2019 08:51
label Informação

A Prefeitura de Terra de Areia, através das Secretarias da Saúde e de Obras e Trânsito e da Vigilância Sanitária, realizou no mês de junho o primeiro ciclo de aplicações de 2019 do biolarvicida Bacillus Thuringiensis Israelensis (BTI) para o controle do Simulídeo, mais conhecido como mosquito borrachudo, e que contou com três aplicações consecutivas.

Ainda em 2018, a Prefeitura elaborou o Plano Municipal de Controle do Simulídeo, que contou com diversas reuniões com a presença de técnicos, comunidade e autoridades municipais, e após foram capacitados os voluntários para se tornarem Agentes Aplicadores Comunitários do Distrito da Sanga Funda e do Arroio Bonito, localidades situadas na encosta onde há maior proliferação do borrachudo.

O monitoramento da aplicação do BTI é realizado pela Vigilância em Saúde, de acordo com as normas estabelecidas pelo Programa Estadual e atende as legislações vigentes, determinações da FEPAM e do Centro Estadual de Vigilância em Saúde, que vão desde a necessidade de responsável técnico para monitoramento e execução das atividades até alternativas de controle, como manejo ambiental e técnicas de controle biológico, mapeamento dos cursos de água e levantamento das fontes poluidoras.

Em 2018 foram aplicados 74 litros do biolarvicida em um curso de 28.670Km de extensão de água, com três aplicações consecutivas nos dois períodos em que houve maior incidência de ataques, nos meses de fevereiro e dezembro, e contou com nove Agentes Aplicadores envolvidos.

A partir de agora, a Prefeitura irá trabalhar na conscientização e distribuição de material informativo para as comunidades rurais explicando sobre os perigos da contaminação das águas por dejetos de animais e outras fontes poluidoras, que são os principais alimentos das larvas dos borrachudos. Nas escolas da comunidade já aconteceram palestras para conscientizar alunos e professores.